PublicidadePublicidade

Força-tarefa fecha clínica de recuperação em Anápolis e liberta internos em cárcere

Vítimas foram acolhidas pela assistência social do município e encaminhadas às famílias

Rafaella Soares Rafaella Soares -
(Foto: Divulgação / Polícia Civil)

A Polícia Civil de Goiás divulgou nesta sexta-feira (02) os detalhes de mais uma etapa da força-tarefa que foi criada para apurar irregularidades em clínicas de recuperação de usuários de drogas em Anápolis.

Na quarta-feira (30), as equipes se deslocaram até uma dessas clínicas, no Setor Chácaras Colorado, região Norte da cidade, após denúncias de que os internos eram mantidos lá involuntariamente e sofriam maus-tratos.

Durante a fiscalização, ficou constatado que os pacientes da clínica realmente eram forçados a ficarem no local, sendo que alguns foram “raptados” por monitores da unidade.

PublicidadePublicidade

(Foto: Divulgação / Polícia Civil)

Os responsáveis pelo espaço foram autuados em flagrante por cárcere privado qualificado e o estabelecimento teve as portas fechadas. Já as vítimas foram acolhidas pela assistência social do município e encaminhadas às famílias.

Essa já é a segunda clínica, do mesmo segmento, fechada em Anápolis nos últimos dias. A expectativa é que as ações continuem até que todas se adequem para funcionar regularmente.

Denúncias devem ser feitas pelo Disque 197 e pelo WhatsApp (62) 9 8405-0875.

(Foto: Divulgação / Polícia Civil)

Em tempo

A força-tarefa foi comandada pela 5ª Delegacia Distrital de Anápolis, com apoio da 1ª e 4ª Delegacias Distritais, 3ª Delegacia Regional, Ministério Público, 28º Batalhão da Polícia Militar, Vigilância Sanitária, Assistência Social de Anápolis, além do Conselho Regional de Psicologia.

PublicidadePublicidade

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade