PublicidadePublicidade

Professores da rede municipal comparecem às escolas e sindicato reavalia greve

Cerca de 50% dos alunos também apareceram para assistir às aulas presencialmente

Caio Henrique Caio Henrique -
(Foto: Divulgação)

Esta segunda-feira (09) marcou o retorno das aulas presenciais na rede pública de ensino em Anápolis.

O tema, que provocou polêmicas desde o anúncio da volta, ainda segue com alguns pontos de interrogação quanto ao futuro próximo.

O Sindicato dos Professores da Rede Municipal de Ensino de Anápolis (SINPMA), por exemplo, tem uma assembleia marcada para a tarde de hoje.

PublicidadePublicidade

A pauta debatida será a greve de professores, já convocada pela categoria.

A reação da Prefeitura veio por meio da Procuradoria-Geral do município, que na noite de domingo (08) emitiu uma nota afirmando que a paralisação dos profissionais seria ilegal e abusiva.

O informe chegou a mencionar, inclusive, possíveis descontos nos vencimentos dos profissionais que não comparecessem às escolas e creches para trabalhar.

Procurada pela reportagem do Portal 6, a secretária Municipal de Educação, Eerizania Freitas, afirmou que a pasta contabilizou apenas três ausências de professores durante a manhã.

Já o comparecimento de estudantes, que podem optar por assistir as aulas presencialmente ou por vídeo, foi de 50%.

“Entendemos que estamos num processo e ainda há adequações a serem feitas, mas o mais importante, que é o retorno às aulas presenciais com segurança, já está sendo oferecido”, disse Eerizania.

“Agora, é prioridade sanarmos os prejuízos, fortalecermos os vínculos com nossos estudantes e avançarmos ainda mais na qualidade do ensino”, emendou.

PublicidadePublicidade

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade