PublicidadePublicidade

Laboratório da UEG de Anápolis confirma descoberta de novo escorpião no Brasil

Estudo que identificou a espécie teve a participação de outras duas universidades públicas do país

Gabriella Licia Gabriella Licia -
(Foto: UEG)

Pesquisadores da Universidade Estadual de Goiás (UEG) foram um dos responsáveis pela recente descoberta de uma nova espécie de escorpião no Brasil. O animal foi encontrado na caverna Meu Rei, localizada no Parque Nacional de Catimbau, no município de Tupanatinga, Pernambuco.

Além da instituição goiana, o estudo contou com a participação direta de cientistas da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) e da Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE).

Eles descobriram que a espécie é um pseudoescorpião, devido ao fato de não apresentar peçonha.

As análises laboratoriais foram realizadas no centro de pesquisar anapolino da UEG, juntamente do professor Everton Tizo.

O docente lembra que o Brasil pode conter a maior diversidade mundial de pseudoescorpiões. Atualmente, são conhecidas 170 espécies no país.

“Contudo, o número de estudos sistematizados no Brasil ainda é relativamente pequeno e se conhece pouco sobre a fauna de pseudoescorpiões para a maioria dos biomas’, reforça.

O nome atribuído ao animal descoberto foi  “O epíteto específico ‘kapinawai’”, dado em homenagem à tribo indígena ‘Kapinawá’, que habitava a região em que o encontraram há séculos atrás.

PublicidadePublicidade

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade