PublicidadePublicidade

Ampliado prazo para quitar IPTU e outros tributos em Anápolis com isenção de juros e multas

Programa da Prefeitura engloba ainda ISS e e multas de órgãos municipais, como Postura, Vigilância Sanitária, Meio Ambiente e Procon

Da Redação -
Zap da Prefeitura de Anápolis. (Foto: Reprodução)

O prazo para adesão ao Refis 2021 em Anápolis foi ampliado até 05 de novembro. O programa começou a valer em julho e podem participar contribuintes que tenham dívidas com o município vencidas até 31 de dezembro de 2020.

Nos dois últimos dias, com o grande crescimento da procura para renegociar dívidas como IPTU e ISS, a Secretaria Municipal decidiu apresentar uma nova data, dando mais tempo àqueles que deixaram para a última hora e não conseguiram fazer o acordo.

Neste ano, pela primeira vez, o programa de benefício fiscal oferece 100% de desconto de juros e multas (à vista) e ainda a opção de parcelamento em até 60 vezes, com descontos a partir de 70%.

Entre os tributos que se encaixam, estão IPTU, ISS e multas de órgãos municipais como Postura, Vigilância Sanitária, Secretaria de Meio Ambiente e Procon.

Existem dois valores mínimos para pagamento parcelado: em caso de pessoa física ou microempreendedor individual (MEI), nenhuma parcela poderá ser inferior a R$ 110 e pessoa jurídica nenhuma parcela poderá ser inferior a R$ 330.

Além do atendimento presencial feito no Rápido, a Prefeitura criou um canal exclusivo pelo Zap do Prefeitura.

Entenda a forma de parcelamento e redução de juros do Refis 2021:

• 100% para o pagamento à vista;
• 95% para o pagamento entre 2 (duas) e 6 (seis) parcelas;
• 90% para o pagamento entre 7 (sete) e 20 (vinte) parcelas;
• 80% para o pagamento entre 21 (vinte e uma) a 40 (quarenta) parcelas;
• 70% para o pagamento entre 41 (quarenta e uma) e 60 (sessenta) parcelas.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade