PublicidadePublicidade

Show é interrompido e cantor sertanejo é preso pela PM em Aparecida de Goiânia

“Ele cantou duas músicas e os policiais chamaram ele e efetuaram a prisão", disse o irmão do artista

Augusto Araújo -
Cantor sertanejo Robson Satto (Foto: Reprodução/ Instagram)

Imagine que você é um cantor sertanejo. Você sobe no palco, começa a cantar até ser interrompido pela polícia, que está te prendendo.

Foi o que aconteceu com Robson Satto, nesta segunda-feira (11) em um bar de Aparecida de Goiânia. O artista de Rondônia estava com um mandado de prisão em aberto pelo crime de receptação em seu estado natal.

Ao G1 Goiás, Ronivon de Souza, irmão do cantor, afirmou que a prisão se deu durante uma apresentação de Robson.

“Ele estava trabalhando no momento e tinha esse show em Aparecida. Ele cantou duas músicas e os policiais chamaram ele e efetuaram a prisão”, disse.

O caso que levou à prisão do artista aconteceu em 2016, segundo Ronivon. O cantor ainda morava em Rondônia na época e comprou uma TV sem saber que era furtada.

“Houve o processo e ele deveria ter comparecido em uma audiência, mas já estava morando em Goiânia e deve ter esquecido”, explicou o irmão do artista.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade