Bruce Willis se aposenta do cinema por causa de afasia, doença degenerativa

Conhecido pelos filmes de ação, ator foi protagonista da série "Duro de Matar"

Folhapress -
Ator começou a atuar ainda na década de 80. (Foto: Getty Images)

A família do ator Bruce Willis anunciou que o ator está se aposentando após ser diagnosticado com afasia, um distúrbio de linguagem causado por um dano cerebral que afeta a capacidade comunicativa das pessoas.

A informação foi divulgada por membros da família do ator, que publicaram no Instagram um comunicado em conjunto a respeito da aposentadoria de Willis.

“Aos fãs incríveis do Bruce, nós queremos compartilhar enquanto família que nosso amado Bruce está passando por problemas de saúde e foi recentemente diagnosticado com afasia, que está impactando suas habilidades cognitivas”, afirma a nota. “Como resultado disso, Bruce está se retirando da carreira que tanto significava para ele”.

“Esse é um momento desafiador para nossa família e nós ficaremos muito gratos ao constante amor, compaixão e apoio de vocês”, afirmou outro trecho da nota se dirigindo aos fãs do ator.

“Vamos passar por essa como uma família forte e unida, e nós gostaríamos de trazer isso a vocês porque sabemos o quanto ele significa para vocês, assim como vocês para ele.”

Ator de grande sucesso em Hollywood, Willis estourou na carreira quando estreou na série de televisão “A Gata e o Rato”, transmitida entre 1985 e 1989 nos Estados Unidos.

Outro papel que o alçou à fama foi como John McClane, no filme de ação “Duro de Matar”, de 1988, seu primeiro trabalho como protagonista de uma franquia de filmes blockbuster, segmento no qual ele se destacou.

Ao longo da carreira, os filmes de Willis já renderam mais de US$ 5 bilhões ao redor do mundo. Ele já foi indicado a cinco Globos de Ouro e três Emmys.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade