Em depoimento, jovem mordida em academia afirma não conhecer homem que a agrediu

Caso ocorreu no dia 13 de abril, mas vídeo com o ataque só foi divulgado recentemente

Augusto Araújo -
Jovem foi mordida por dentista em academia de Rio Verde. (Foto: Divulgação/PC-GO).

Em depoimento a Polícia Civil (PC), a jovem de 24 anos que foi mordida no ombro por um homem, em Rio Verde, no Sudoeste goiano, afirmou que não o conhecia.

O fato ocorreu no dia 13 de abril, mas só foi divulgado nesta segunda-feira (25). Conforme aparece em vídeo, o suspeito aborda a mulher e a morde após ela esbarrar a mão no corpo dele.

Os registros da câmera de segurança também mostram o homem rindo após o ocorrido.

Ao G1, a delegada Taísa Antonella, responsável pelas investigações do caso, destacou que não houve desentendimento entre os dois antes da agressão. “Ele veio em direção a ela e a mordeu no ombro sem motivos”.

Jovem ficou com marcas no ombro, após agressão em academia de Rio Verde. (Foto: Divulgação/PC-GO).

O homem prestou depoimento à PC nesta terça-feira (26) acompanhado por um advogado, mas optou por ficar em silêncio. Além disso, ele indicou  que vai falar somente em juízo – ou seja, diante de um tribunal ou juiz.

A investigadora apontou também que, em um primeiro momento, o homem deve responder pelo crime de lesão corporal.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.