Conluio entre autoescola, médico e servidores do Detran-GO fraudava exames para obtenção de CNH

Três servidores públicos foram afastados dos cargos que exerciam por envolvimento no esquema

Da Redação -
Busca e apreensão foram realizadas em residências, Centros de Formação de Condutores e em uma Clínica Médica relacionadas aos suspeitos das fraudes. (Foto: Divulgação/Polícia Civil)

Três servidores do Detran Goiás são suspeitos de participar de um esquema de fraudes para obtenção da Carteira Nacional de Habilitação (CNH). Todos foram afastados do cargo após uma operação da Polícia Civil nesta quarta-feira (01).

A ação, denominada Medical Report, mobilizou policiais em Goiânia, Itaberaí e cidade de Goiás. Foram cumpridos mandados de busca e apreensão em residências, Centros de Formação de Condutores e em uma clínica médica.

As investigações apontaram que um homem, de Goiânia, que trabalha como despachante estaria usando os contatos que possui dentro do Detran para direcionar os clientes para um médico específico.

Dessa forma, era possível facilitar a aprovação exigida nos exames clínicos. Com o esquema, pessoas inaptas para a direção foram aprovadas nesta etapa do processo de obtenção da CNH.

Ainda foi identificado que este mesmo despachante tinha auxílio de terceiros para levar as fraudes ao interior do estado.

O delegado responsável pelo caso, José Antônio de Podestá Neto, apontou que o suspeito também oferecia suborno para que dois funcionários públicos do Detran-GO realizassem consultas e adiantamento de serviços.

Durante a operação, 13 mandados de busca e apreensão foram cumpridos. As atividades em uma clínica médica e um centro de formação de condutores que estavam envolvidos foram suspensas.

Além disso, foi determinado que dois médicos que estavam envolvidos no esquema deixem de realizar qualquer tipo de exame voltado para a obtenção da CNH até que as investigações cheguem ao fim.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.