Goiás tem confirmadas mortes pela cepa da dengue mais disseminada no mundo

Tipo de linhagem costuma deixar mais grave os sintomas comuns da doença

Aglys Nadielle -
Mosquito transmissor do vírus da dengue. (Foto: Reprodução)

Goiás teve confirmadas pela Secretaria de Estado da Saúde (SES) duas mortes decorrentes da cepa da dengue considerada como a mais transmissível do mundo. Os óbitos ocorreram em Trindade e Aparecida de Goiânia.

O genótipo identificado foi o cosmopolita do sorotipo 02, que pode agravar os sintomas comuns do vírus. Uma linhagem da dengue presente principalmente na Ásia, no Oriente Médio e na África, que teve sete notificações em Goiás.

Antes desses casos que começaram em maio, ela nunca havia sido encontrada no território brasileiro. Na América Latina, apenas o Peru já havia tido registros.

A dengue possuiu quatro sorotipos: 1, 2, 3 e 4. Cada um deles pode ser dividido em vários genótipos, ou linhagens. No Brasil, o tipo 01 é o predominante.

Segundo a Fundação Osvaldo Cruz (Fiocruz), o tipo 02 da doença não é responsável pelo aumento de casos comuns no país, mas é um alerta para o próximo ano.

Pesquisadores da área apontam que será necessário intensificar a vigilância em relação à nova cepa, principalmente no período chuvoso.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade