A goiana que acreditou em si mesma, montou o próprio negócio e hoje é sucesso no Brasil e no mundo

Rede criada por Elaine Moura conta com 31 lojas no Brasil e também com operação nos Estados Unidos

Gabriella Pinheiro -
(Foto: Reprodução/ Redes Sociais)

Ninho, chocolate trufado e até derretido. Pode até parecer que são opção de sabores de bolo ou cupcakes, mas, na verdade, são opções de pipocas gourmet criadas pela chef goiana, Elaine Moura, de 44 anos.

Ela é dona da rede de franquias PopCorn Gourmet que possui mais de 31 lojas espalhadas pelo Brasil e com operação até nos Estados Unidos.

Há 22 anos, a profissional, que já trabalhava na área da gastronomia, decidiu dar um passo maior e abrir uma empresa de fornecimento de comida preparada para festas, banquetes e outros estabelecimentos.

Para fidelizar a clientela, a empreendedora presenteava os clientes com alguns doces e foi por meio dessa prática que a ideia para o produto pipocou na mente dela.

Elaine sentiu a necessidade de começar a elaborar mimos autorais e, por isso, passou a fazer alguns testes com o item gourmet para noivas e outros compradores corporativos que contratavam o serviço dela. 

Porém, o que era para ser apenas um presente acabou sendo incluído no requerimento daqueles que contratavam a empresa. 

“As noivas queriam a pipoca no casamento dela”, relembrou em entrevista ao site do Pequenas Empresas e Grandes Negócios. 

Após a apresentação da novidade no evento da Casa Cor, em 2015, mais uma conquista foi alcançada pela mulher. No mesmo ano, o primeiro quiosque no Shopping Flamboyant foi lançado

“Eu tive muito resultado. A procura começou a crescer e entendi que podia ser um produto e não mais um presente”, revela. 

Após a repercussão, outras 04 lojas foram criadas em shoppings do município. Já em 2016, a fim de evitar possíveis cópias, o modelo de franquia foi finalmente posto em ação. 

Atualmente, as pipocas são produzidas em Goiânia e colocadas em potes herméticos de 18 litros e enviadas para os franqueados.

Além disso, a rede desenvolveu a produção para venda em supermercados, com uma embalagem metálica que preserva o alimento por até 180 dias e já conta com uma parceria de uma multinacional.

 

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade