PublicidadePublicidade

Anapolino morre após ser vítima de explosão de botijão de gás

Queimaduras atingiram cerca de 40% do corpo da vítima, que ficou internada por quase um mês

Da Redação Da Redação -

Francisco Ferreira de Oliveira, de 74 anos, foi a óbito na noite de sexta-feira (22) no Hospital Evangélico Goiano (HEG).

Antes da unidade, ele passou pelo Hospital de Queimaduras de Anápolis e Centro Diagnóstico Cirúrgico de Ceres.

No dia 28 de outubro, o idoso sofreu um acidente doméstico. O botijão de gás da cozinha da residência em que ele vivia explodiu.

PublicidadePublicidade

Segundo registrado na Polícia Civil (PC), Francisco Ferreira de Oliveira teve queimaduras de 2º e 3º grau em cerca de 40% do corpo.

O idoso chegou a ter uma melhora, durante o período em que permaneceu internado e passou pelos hospitais, mas acabou não resistindo.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade