PublicidadePublicidade

Fiscais e a polícia conseguem entrar em doceria da Jaiara e dono poderá pegar cinco anos de prisão

Determinada pela Justiça, ação ainda apreendeu mais de uma tonelada de produtos que deveriam ter sido destruídos, mas foram para as prateleiras

Da Redação Da Redação -

A Polícia Civil (PC) de Anápolis cumpriu, nesta quarta-feira (19), um mandado de busca e apreensão na sede da Doceria JM, localizada na Vila Jaiara, bairro da região Norte da cidade.

A ação resultou na apreensão de mais de uma tonelada de doces produzidos em desacordo com as normas sanitárias.

De acordo com a PC, o local possuía ambientes muito sujos e sem qualquer tipo de higienização, indo totalmente contra as normas regulamentares de saúde.

PublicidadePublicidade

Anteriormente, fiscais da Agrodefesa já haviam tentado entrar no estabelecimento para averiguar a situação, mas os proprietários teriam impedido a entrada dos agentes, o que motivou a intervenção judicial cumprida pela Delegacia Estadual de Repressão a Crimes contra o Consumidor (Decon).

Eles também desacataram uma ordem direta do órgão, que havia demandado a inutilização e destruição dos produtos.

A empresa não só deixou de descartar os produtos, como também os colocou de volta nas prateleiras após a saída dos fiscais.

A loja foi multada e o empresário autuado pela prática de crime contra as relações de consumo, que tem pena máxima de até cinco anos de prisão.

Pelo desrespeito às ordens, o estabelecimento também foi autuado administrativamente pela Agrodefesa.

PublicidadePublicidade

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade