PublicidadePublicidade

Por orientação do Ministério Público, CPE de Anápolis está filmando entrada em residências

Em entrevista ao Portal 6, o comandante do agrupamento conta que policiais já cumpriam protocolos nessas situações

Caio Henrique Caio Henrique -
(Foto: Reprodução)

Uma palestra recente do Ministério Público (MP) com os agentes da Companhia de Policiamento Especializado (CPE) pode impactar o futuro das ações da corporação.

Isso porque, na conversa, foi ratificado a necessidade de total consentimento do suspeito na hora de adentrar alguma residência, salvo caso de flagrante ou para prestação de socorro emergencial.

Uma das formas pensadas pelo MP para assegurar que tais medidas sejam sempre respeitadas, foi a sugestão de que as entradas e investigações à procura de drogas fossem devidamente gravadas.

PublicidadePublicidade

Em entrevista ao Portal 6, o comandante da CPE, major Leonardo, explicou que a palestra funcionou como forma de reforço e orientação, já que todas as medidas são seguidas diariamente pelos militares.

“Respeitamos a Constituição no que se diz respeito ao direito fundamental de inviolabilidade domiciliar, tanto que sempre pegávamos a autorização por escrito antes de qualquer adentramento, mas agora também iremos realizar as gravações, sempre que possível”, explicou.

Ele também disse que a medida não irá atrapalhar o trabalho dos militares, pelo contrário, será apenas mais uma ferramenta para coletar evidências e provas, facilitando a ação do Poder Judiciário.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade