PublicidadePublicidade

Operação quer identificar quem armazena pornografia infantil em 10 cidades de Goiás

Além dos mandados de busca e apreensão cumpridos, a Polícia Civil também está realizando prisões

Karina Ribeiro -
Imagem de policiais civis fazendo busca e apreensão em residências goianas. (Foto: Divulgação/PC)

A Polícia Civil(PC) está cumprindo na manhã desta segunda-feira (25) 11 mandados de busca e apreensão em residência em 10 cidades goianas.

São elas: Aparecida de Goiânia, Cidade Ocidental, Goiatuba, Hidrolândia, Jataí, Minaçu, Pires do Rio, Rubiataba, São Luiz dos Montes Belos e Valparaíso de Goiás.

De acordo com a PC, quatro pessoas foram presas em flagrante.

A quinta etapa da “Operação Meu Zeloso Guardador” quer identificar criminosos que armazenam imagens de exploração sexual infantil.

Nessas residências, foram identificados usuários da internet que, através de softwares específicos, teriam enviado e recebido vídeos contendo pornografia infantil.

Iniciada em 2018, a operação já cumpriu 104 mandados de busca e apreensão em 32 cidades espalhadas pelo estado.

Até agora, mais de 50 pessoas foram presas em flagrante por conta de posse e compartilhamento de arquivos contendo imagens de exploração sexual infantil.

 

PublicidadePublicidade

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.