Motoristas de Goiás voltam a ter prazo para renovar CNH; multa se aproxima dos R$300

Prazos haviam sido suspensos por conta da pandemia e o novo calendário já foi divulgado

Caio Henrique -
Unidade do Vapt Vupt, em Anápolis (Foto: Reprodução)

O afrouxamento das medidas de restrição contra a Covid-19 permitiu várias liberações para a rotina da população, especialmente no que se diz respeito às áreas de lazer e entretenimento.

Contudo, a volta gradual ao que se possa chamar de “normalidade” também fez com que diversas outras obrigações e burocracias que – até então – estavam esquecidas, voltassem.

É o caso da Carteira Nacional de Habilitação (CNH), por exemplo, que voltou a ser uma preocupação para os motoristas goianos que precisam renovar o documento.

Os prazos de renovação haviam sido suspensos por conta da pandemia do novo coronavírus, mas já estão valendo de novo, seguindo o cronograma atualizado pelo Conselho Nacional de Trânsito.

Sendo assim, os condutores que teriam a CNH vencida em novembro de 2020, agora têm até o dia 30 do mesmo mês, só que deste ano, para concluir o procedimento.

O mesmo vale para os prazos que terminariam em dezembro do ano passado.

Para os que lidam com um vencimento já em 2021, a regra é a mesma. Ou seja, será estendido o prazo de um ano a partir do mês-limite.

Sendo assim, os motoristas terão até 30 de novembro e 31 de dezembro, de 2022, para concluir a etapa e ficar sem pendências.

Os interessados em renovar o documento precisam agendar o atendimento pelo site do Departamento Estadual de Trânsito de Goiás (Detran-GO), Vapt Vupt ou ir direto à Ciretran do município.

Vale ressaltar que quem for flagrado dirigindo sem a devida regulamentação, será multado em R$ 293,47, além dos sete pontos na carteira por conta da infração gravíssima.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.