Em Aparecida de Goiânia, homens são presos após abater cavalos para vender as carnes

Carcaças de dois animais foram enterradas no quintal da residência

Karina Ribeiro -
Carcaça do animal que foi enterrada no quintal da residência. (Foto: Divulgação/PMGO)

Em uma residência do Setor Veiga Jardim, localizado em Aparecida de Goiânia, foram apreendidos cerca de 100 kgs de carne de cavalo que estavam prontas para serem deslocadas e vendidas para consumo humano.

A apreensão foi realizada pelo Batalhão Rural da Polícia Militar na noite dessa quarta-feira (13).

Conforme a PM, os homens, de idade e nomes não revelados, assumiram que, minutos antes, tinham abatido dois cavalos e enterrado as carcaças no quintal da casa. Além disso, afirmaram que a carne seria comercializada e destinada ao consumo humano.

Na sequência, estiveram no local agentes da Vigilância Sanitária do município de Aparecida de Goiânia que, após verificar se tratar de carne imprópria para consumo, descartando no aterro sanitário.

Eles foram encaminhados para a Central de Flagrantes de Aparecida de Goiânia.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.