Anápolis é classificada pelo IBGE como a primeira Capital Regional de Goiás

Município foi único do estado a ter a condição elevada pelo instituto

Caio Henrique -

Anápolis se tornou a primeira Capital Regional de Goiás, de acordo com levantamento do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), iniciado em 2018 e divulgado nesta quinta-feira (25).

Chamada de Regiões de Influências das Cidades (REGIC), a pesquisa analisa e define a hierarquia dos centros urbanos brasileiros, classificando as metrópoles e capitais regionais, por exemplo.

Esta foi a quinta edição do levantamento, que teve início em 1972. A última atualização tinha sido em 2007, quando o Brasil possuía apenas 70 Capitais Regionais.

PublicidadePublicidade

Com a divulgação do último registro, o número passou a ser de 97.

Entenda a classificação

Conforme os critérios de análise do IBGE, as Capitais Regionais representam o segundo maior nível de classificação.

Elas são definidas como “centros urbanos com alta concentração de atividades de gestão, mas com alcance menor em termos de região de influência em comparação com as metrópoles.”

Goiás já contava com a presença de Goiânia no acervo da pesquisa desde 2007, quando foi definida como uma metrópole, mas é a primeira vez na história que o estado possui um município classificado como Capital Regional.

PublicidadePublicidade

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.