PublicidadePublicidade

Em Anápolis, motorista de aplicativo passa apuro com ex-namorado e leva caso à polícia

Além do prejuízo com o carro, ele teria mostrado revólver na cintura

Da Redação Da Redação -

Uma jovem de 28 anos procurou a Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (DEAM) de Anápolis, nesta segunda-feira (10), para denunciar um caso grave de ameaça.

Ela relatou que no final da tarde da última sexta-feira (07) estava trabalhando como motorista de aplicativo quando o ex namorado parou com uma moto ao lado e começou a xingá-la com vários palavrões.

Depois de deixar o cliente no destino, a vítima sustenta que decidiu ligar para ele e pedir para que se encontrassem e pudessem resolver todas as pendências de uma vez por todas.

PublicidadePublicidade

É que os dois namoraram por apenas três meses e terminaram no último mês de janeiro. No entanto, o homem, que tem 37 anos, não quer aceitar o fim do relacionamento.

Quando a jovem chegou no local combinado, alega que o ex já apareceu com um pedaço de pau e quebrou todo o retrovisor do carro dela.

Na ocasião ainda teria dito que iria matá-la e mostrou que estava com um revólver na cintura.

A ação deixou a motorista com medo, pois o ex-companheiro não possui porte de arma e, segundo ela, liga insistentemente para fazer ameaças.

O caso será investigado pela Polícia Civil e a vítima terá seis meses para representar criminalmente contra ele.

PublicidadePublicidade

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade