PublicidadePublicidade

Indireta em rede social provocou confusão de família que só acabou com a chegada da PM

Tudo começou por causa de um frango e agora jovem terá que prestar esclarecimentos à Justiça

Da Redação Da Redação -
(Foto: Divulgação/ PMGO)

A Polícia Militar (PM) precisou mediar um caso bastante excêntrico, para se dizer o mínimo, na noite de quinta-feira (05) em Anápolis.

Uma viatura da corporação foi abordada por um jovem, de 24 anos, que pediu ajuda dos militares.

Segundo ele, uma prima teria lhe acusado erroneamente, nas redes sociais, de furtar frangos depois do tombo de uma carga de caminhão.

PublicidadePublicidade

(Foto: Divulgação)

Diante da confusão, a guarnição decidiu visitar a casa da parente, que também é uma jovem, de 25 anos, juntamente do rapaz que fez a tal denúncia.

Chegando lá, a moça confirmou ter realmente feito a publicação, mas admitiu não ter provas do possível furto.

Porém, ela se recusou a retirar as acusações feitas contra o familiar.

Sendo assim, foi lavrado um Termo Circunstanciado de Ocorrência contra a jovem, por imputar falsamente uma acusação de crime.

Agora, ela terá que prestar esclarecimentos à Justiça em uma audiência.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade