Burger King pode ter sérias consequências após Procon de Goiânia descobrir que Whopper Costela não tem costela

Rede de fast food já foi notificada e agora tem 20 dias para dar explicações sobre o lanche

Augusto Sobrinho -
Empresa informa que vai mudar o nome do sanduíche Whopper Costela para Whopper Paleta Suína. (Foto: Divulgação/Procon Goiânia)

Depois do McPicanha sem hambúrguer de picanha, o Burger King também admitiu que o sanduíche Whopper Costela também é vendido com aroma de costela 100% natural” e, com isso, pode ter sérias consequências.

O anúncio foi feito após denúncias de consumidores da rede de fast food, que teve diversas unidades em shoppings, galerias e comércio de rua fiscalizadas pelo Procon Goiânia, nesta terça-feira (03).

Segundo o órgão, a empresa foi notificada a apresentar explicações sobre a composição e a campanha publicitária do sanduíche e tem o prazo de 20 dias para dar a resposta e apresentar a tabela nutricional do lanche.

Além disso, o Procon Goiânia informa que caso fique comprovado que houve indução do consumidor ao erro, o restaurante pode ser multado por publicidade enganosa em até R$ 10 milhões.

O Burger King também afirmou, nesta terça-feira (03), através das redes sociais, que vai mudar o nome do sanduíche Whopper Costela para Whopper Paleta Suína e alegou ter anunciado o sanduíche de forma “correta”.

“Quando lançamos o Whopper Costela, anunciamos em nossas comunicações que ele é feito de carne de porco -paleta suína- e com sabor de costela, sem qualquer ingrediente artificial”, publicou.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.