Primeira ação da ‘Balada Responsável’ flagrou quantidade assustadora de bêbados no volante em Goiânia

Fiscalização foi intensificada na capital após diversas mortes causadas por desrespeito as leis

Augusto Araújo -
Agentes não podem ignorar flagrante, mas consideram um desvio de finalidade. (Foto: Divulgação / Detran-GO)

“Os números da Balada Responsável nos impressionaram. Muita gente dirigindo embriagada, sendo que quase 30% dos abordados se recusaram a fazer o teste do bafômetro, além de muitas carteiras apreendidas”.

Foi assim que Eduardo Machado, presidente do Detran-GO, classificou as 170 autuações por embriaguez ao volante aplicadas em Goiânia no último final de semana.

Essa fiscalização rígida foi uma resposta do órgão de trânsito diante de uma preocupante quantidade de incidentes fatais que ocorreram entre os dias 07 e 08 de maio.

“Nós triplicamos o contingente de fiscais nas ruas, fizemos diversas operações em pontos estratégicos de Goiânia e o número de acidentes caiu muito”, destacou.

No total, 804 pessoas foram abordadas apenas durante as fiscalizações da Balada Responsável. Além das 170 autuações por direção alcoolizada e recusa a realizar o teste do bafômetro, foram flagrados 19 condutores sem habilitação ou permissão de dirigir. 137 destes foram liberados após sanar as irregularidades.

Em 2022, 6.056 motoristas já foram autuados por dirigir sob o efeito de álcool, número que corresponde quase a metade dos registros feitos no ano passado, quando ocorreram 12.183 flagrantes.

Eduardo Machado afirmou que o Detran-GO está trabalhando para “apertar o cerco” contra a direção irresponsável e reduzir ainda mais o registro de fatalidades no trânsito.

“Propomos uma alteração do Código de Trânsito Brasileiro (CTB) para cassação sumária de CNH em alguns casos, como de racha [corrida de rua ilegal], que coloca em risco a vida não só do infrator, como a de inocentes”.

“Quem faz racha é uma pessoa nociva para a sociedade e a punição tem que ser severa”, complementou.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade