PublicidadePublicidade

Profissionais do setor artístico podem se inscrever para auxílio emergencial

Lei Aldir Blanc disponibiliza cerca de R$ 40 milhões para o segmento em Goiás

Da Redação Da Redação -
(Foto: Reprodução)

A partir desta terça-feira (27), as inscrições estarão abertas para 20 novos editais da Lei Aldir Blanc de Emergência Cultural, cujos recursos a serem distribuídos somam cerca de R$ 40 milhões, que irão abranger cerca de 2.500 projetos do segmento cultural.

É possível se inscrever pela plataforma Mapa Goiano, no site www.cultura.go.gov.br, podendo ser feitas até o dia 24 de agosto.

Entre as áreas a serem contempladas estão projetos de artes visuais, artesanato, audiovisual, arte feminina, pontos de cultura, circo, cultura popular, cultura kalunga e quilombola, crianças e adolescentes, dança, fomento à bibliotecas comunitárias e museus, festivais, direitos humanos, hip hop, letras, teatro e música. Projetos focados nas tradições, no saber goiano.

O chamamento para o certame foi elaborado pela Secult após reuniões com representantes do setor cultural e realização de consultas públicas, que buscaram atender os mais variados segmentos da cultura goiana.

Fomento para o setor cultural

A Lei Aldir Blanc de Emergência Cultural foi criada pelo governo federal com o objetivo de auxiliar trabalhadoras e trabalhadores da Cultura, bem como os espaços culturais brasileiros, no período de isolamento social, ocasionado pela pandemia da Covid-19.

Em Goiás, foram lançados em 2020, pela Secult, três editais da Lei Emergencial, que beneficiaram mais de 1.530 projetos em todo o Estado. A maioria deles já está em execução.

Confira aqui os novos editais

PublicidadePublicidade

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade