Jovem obrigado a beber em festa de faculdade acaba cego, mudo e sem movimentos

Caso segue em investigação para encontrar os responsáveis pelo “trote”

Gabriella Licia -
Daniel Santulli havia acabado de ingressar na faculdade dos sonhos. (Foto: Reprodução)

Um chocante caso de um jovem, de 19 anos, que acabou ficando cego, mudo e com perda de todos os movimentos do corpo após ser obrigado a ingerir uma garrafa de vodka e outras bebidas tem repercutido em todo o mundo.

Daniel Santulli vive em Missouri (EUA) e tinha acabado de ingressar na faculdade, em outubro de 2021, quando foi recepcionado pelos colegas do curso para o famoso “trote”.

O evento envolvia bastante álcool e brincadeiras. No entanto, com o jovem houve um enorme exagero. Os universitários colocaram um tubo na boca dele, o forçando a consumir a garrafa inteira de vodka com cerveja.

Após a ingestão demasiada, Daniel acabou ficando inconsciente e precisou ser levado para um quarto, ainda desacordado. Lá, jogado em uma poltrona, o rapaz caiu do lugar alto e bateu com a cabeça no chão.

Os colegas perceberam a gravidade da situação e colocaram o norte-americano no carro, para o levar embora. Neste momento, ele já havia sofrido uma parada cardíaca.

A alternativa encontrada pelos jovens universitários foi abandonar Daniel na porta do hospital para que fosse atendido, enquanto eles fugiam.

Apesar do socorro prestado, o calouro acabou sofrendo uma lesão cerebral seríssima, que ocasionou as perdas de funcionalidades do corpo.

Quanto às investigações, desde outubro, apenas duas pessoas foram indiciadas. Um deles foi acusado por organizar o evento e forçar Daniel a tomar a bebida, enquanto o segundo não teria o ajudado mesmo assistindo toda a cena.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.