PublicidadePublicidade

Ronaldo Caiado também quer o apoio de Roberto Naves em 2018

Anapolino, senador sabe do peso político da cidade para conseguir tirar o Governo de Goiás do grupo de Marconi Perillo

Carlos Henrique -

Em diversos eventos públicos o prefeito de Anápolis Roberto Naves (PTB) sinalizou que pretende apoiar José Eliton (PSDB) para o Governo de Goiás, em 2018.

Terceiro maior colégio eleitoral do estado, a cidade é considerada estratégica no jogo eleitoral porque, desde 1998, tem decidido quem ocupa o Palácio Pedro Ludovico.

Ainda que não resida em Anápolis, o senador Ronaldo Caiado (DEM) sabe da importância de sua cidade natal e demonstrou na noite desta terça-feira (29), durante coletiva de imprensa com jornalistas locais, antes de ministrar uma aula magna na UniEvangélica, também querer o apoio de Roberto.

PublicidadePublicidade

Foi o que deixou explícito ao responder a repórter do Portal 6 Rafaella Soares se queria ou não o apoio do prefeito.

‘Neste momento eu sou apenas pré-candidato. Indiscutivelmente cabe a mim visitar todos os prefeitos e lideranças políticas e convidá-los para o debate. Por exemplo, você me dá uma grande oportunidade para convidá-lo para o nosso encontro em Morrinhos, no próximo sábado, onde estaremos lá com 11 partidos já aglutinados na grande frente de oposição em Goiás. É um movimento forte e consolidado’, disse o senador.

Em tempo

O apoio de Roberto Naves ainda é não é considerado consolidado para José Eliton porque o petebista venceu a eleição municipal no ano passado sem o apoio do governador Marconi Perillo. Por isso, o prefeito não se considera em dívida com o tucanato goiano.

Outro fator que também pesa é o papel do PTB na eleição estadual de 2018. O partido quer estar na chapa majoritária e não deve aceitar um papel secundário na disputa.

Colaborou Rafaella Soares

PublicidadePublicidade

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.