PublicidadePublicidade

Acordo dará mais 24 meses para Mauá Cavalcante se adequar à portaria do SUS

Assinatura deve ocorrer nos próximos dias e um dos objetivos seria criar na cidade uma terceira Unacon

Da Redação -

A Unidade Oncológica de Anápolis Dr. Mauá Cavalcante terá mais tempo para se adequar à portaria do Ministério da Saúde que restringe a realização de quimioterapia apenas a locais que tenham leitos de UTI.

Há vários meses, a entidade, que pertence à Associação de Combate ao Câncer em Goiás (ACCG), se mobiliza para garantir a contratação dos atendimentos por parte do SUS para continuar funcionando na cidade.

Na manhã desta segunda-feira (13), em entrevista coletiva, o prefeito Roberto Naves (PTB) contou que será assinado em poucos dias o acordo que garantirá mais 24 meses para as adaptações obrigatórias.

Ainda na reunião, Roberto anunciou que, já atendendo uma das solicitações do Ministério da Saúde, uma ala do Hospital Municipal Jamel Cecílio passará por modificações para receber os leitos para tratamento de quimioterapia.

O objetivo seria criar na cidade uma terceira Unidade de Assistência de Alta Complexidade (Unacon), além do Hospital Evangélico Goiano (HEG) e Santa Casa, e deixar à disposição da região sul de Goiás a possibilidade de uma pactuação.

“Dessa forma teríamos pacientes, atingindo o ponto de equilíbrio tanto da Mauá, quanto do HEG e da Santa Casa”, disse o prefeito.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade