Em Anápolis, trio usou pitbulls contra policiais para continuar com festinha na madrugada

Xingados por palavrões irreproduzíveis, os militares foram ameaçados pelos amigos e reforço foi necessário

Da Redação -
Central de Flagrantes da Polícia Civil, no Centro de Anápolis. (Foto: Marcelo Santos)

A Polícia Militar precisou deslocar várias viaturas para conseguir por fim em uma festa realizada durante madrugada desta segunda-feira (29) em uma residência do bairro Calixtolândia, na região Sudeste de Anápolis.

Regada à bebida, mulheres e caixas de som, o evento “familiar” estava incomodando os vizinhos por várias horas.

Antes do término forçado, uma guarnição já havia ido ao local após denúncias e determinado o fim da aglomeração.

PublicidadePublicidade

Revoltados, os amigos conseguiram descobrir a autoria da denúncia e derrubaram a força o portão da vítima para intimida-la.

A rua toda passou a acompanhar a situação e a presença da Polícia Militar novamente teve de ser requisitada.

E foi a partir desse momento, por volta das 03h30 da manhã, que o show de horror de fato teve início.

“Vocês não são homens para acabar com a minha festa. Eu vou continuar. Me prenda, então”, desafiou o proprietário da casa.

Pedido feito, pedido atendido. Ao ver que o valentão seria algemado, os amigos soltaram quatro pitbulls contra os policiais.

Para se proteger, um soldado acabou tendo que matar um dos animais com um tiro.

Os palavrões ditos na algazarra contra os militares foram tão baixos, que a reportagem prefere não reproduzi-los.

Todos foram levados para a Central de Flagrantes da Polícia Civil, no Centro.

O Portal 6 tentou, mas não conseguiu saber se eles pagaram fiança para responder pelos crimes de desacato, ameaça e perturbação do sossego em liberdade.

PublicidadePublicidade

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.