PublicidadePublicidade

Misturar gasolina com álcool ajuda a economizar ou é mito?

Com aumento no preço do combustível, questionamento ganhou força e nós tiramos sua dúvida

Anna Júlia Steckelberg -
misturar gasolina com álcool
Posto de combustível: abastecer está cada vez mais caro. (Foto: Reprodução)

Você sabia que a tecnologia Flex chegou em nosso país há mais ou menos uma década e meia? Dar mais uma opção para abastecimento do nosso veículo é, para muitos, uma possibilidade muito vantajosa. Em contrapartida, surge uma indagação: misturar gasolina com álcool ajuda a economizar ou é mito? 

Primeiramente, entenda que o motor Flex permite que o condutor abasteça o veículo seja com gasolina ou com etanol, individuais ou misturados, independente da proporção. Basicamente, isso acaba trazendo benefícios. Sobretudo nos dias atuais, onde há diversas variações nos preços dos combustíveis.

Mas, para quem possui motor Flex, podemos abastecer misturando gasolina e etanol? Bom, acredite se quiser: mesmo possuindo um modelo bicombustível na garagem, muitos proprietários acabam afirmando que é praticamente um “absurdo” misturar os dois combustíveis em um só tanque. Para esses indivíduos, você deve abastecer ou com gasolina, ou com etanol. Isso é mito!

PublicidadePublicidade

Posso colocar misturar gasolina com álcool no tanque do meu carro?

Essa indagação é uma faca de dois gumes. Pois, assim como existem proprietários que abominam o uso de gasolina e etanol num mesmo tanque, há outros que afirmam que abastecer com 50% gasolina e os outros 50% de etanol é a melhor opção. Entretanto, dá para dizer que isso não é totalmente verdade. Aliás, varia de acordo com o estilo de condução do motorista.

Primeiramente, o etanol tem um preço mais em conta que a gasolina em qualquer posto de combustível. Porém, tal valor inferior acaba refletindo diretamente no consumo de combustível do veículo, visto que o combustível derivado da cana é menos eficiente.

Para se ter uma noção, um carro abastecido totalmente com etanol consegue entregar um consumo aproximadamente 40% inferior caso estivesse abastecido com gasolina. Por outro lado, a potência e o torque de um carro é, na maioria das vezes, bastante superior à gasolina. Assim, por mais que você pague menos, terá que abastecer mais. Ou seja, caso a prioridade seja desempenho, o etanol pode ser a melhor opção.

Com isso, com essas informações, você já deve imaginar que a gasolina é mais vantajosa para aqueles que estejam querendo economizar um pouco no bolso de combustível. Logo, a gasolina pode ser mais interessante sobretudo em viagens mais longas, já que você deve parar menos em postos de combustíveis.

Podemos concluir que, na prática, misturar gasolina com álcool na proporção 50/50 é ideal para aqueles que buscam um equilíbrio entre desempenho e eficiência. Porém, é claro que com essa mistura você não vai extrair o máximo de potência e torque do motor do seu carro, tampouco atingir números astronômicos de consumo. Mas, obviamente, ele terá um desempenho um pouco melhor e também um consumo ligeiramente menor.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade