Força-tarefa para prender ‘novo Lázaro’ pode estar perto de encontrar o criminoso

Moradores de Abadiânia estão com medo e já são várias as denúncias sobre o paradeiro de Wanderson

Karina Ribeiro -
Helicópteros da GRAER realizam buscas pelo suspeito na zona rural de Abadiânia. (Foto: David Dourado/Portal 6)

Uma troca de tiros nesta madrugada na madrugada de terça-feira (1º), entre um fazendeiro e um homem, na zona rural de Abadiânia, acendeu sinal de alerta na Força-Tarefa articulada para tentar capturar o ‘novo Lázaro’.

Apesar de não saber se há ligação com o crime, pode ser uma pista sobre o paradeiro de Wanderson Mota Protácio, de 21 anos, principal suspeito de assassinar: a mulher grávida, Ranieri Aranha, de 21 anos, a enteada, de 02 anos e um fazendeiro, Roberto Clemente de Matos. O triplo homicídio ocorreu em Corumbá de Goiás no último domingo (28).

Segundo o comandante da Polícia Militar de Anápolis, tenente-coronel Paulo Roberto, muitas informações estão chegando ao longo de todo o dia. “A cidade está assustada, as pessoas estão ficando em casa, mas diversas denúncias estão chegando pra gente a todo momento”, explica.

Ele conta que todas estão sendo apuradas pelas equipes que estão no local. Conforme o militar, apesar da concentração das buscas permanecerem em Abadiânia, os olhos estão voltados também para o município de Alexânia. “Ele morou ali um tempo e tem amigos e parentes”.

Força-Tarefa

O aparato para a caça do ‘novo Lázaro’ conta com cerca de 70 agentes das Polícias Militar, Civil e Rodoviária Federal, além de cães farejadores e helicópteros. Mesmo com toda essa articulação, alguns chacareiros da região de Abadiânia também estão auxiliando.

Para ajudar na prisão do suspeito do triplo homicídio, a Polícia Civil divulgou foto de Wanderson e telefones para que sejam feitas denúncias em caso de alguma pista que possa encontrá-lo: (62) 98595-6557 ou pelo 197.

Fuga

Conforme o delegado, Tibério Cardoso, após cometer os crimes brutais, o rapaz teria fugido numa caminhonete Chevrolet S10. Ao perder o controle do veículo na GO- 225, continuou, possivelmente o percurso à pé.

A Força-Tarefa acredita que ele continua próximo à região da cidade, onde estão concentradas as buscas.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.