Traficante do Rio de Janeiro é morto ao trocar tiros com a PM em Goiânia

Outros dois homens que estavam com ele conseguiram fugir. Grupo pertence ao Comando Vermelho

Da Redação -
Policiais encontraram cinco peças de maconha e balança de precisão. (Foto: Reprodução)

Um traficante de 25 anos, identificado como Julio Cesar Camargo Holanda, morreu nesta sexta-feira (03) após confrontar policiais da Companhia de Policiamento Especializado (CPE) de Anápolis.

O caso ocorreu no Jardim Novo Mundo, em Goiânia, depois que os agentes receberam informações de que integrantes da facção criminosa Comando Vermelho estariam traficando drogas e ostentando armas de fogo.

Ao constatar que havia realmente no local o comércio dos entorpecentes, os militares se deslocaram até lá e, logo que entraram na comunidade, dois homens já começaram a efetuar disparos.

Julio Cesar surgiu logo em seguida, também armado. Ao receber ordem para soltar o objeto, porém, também teria tentado alvejar os policiais com tiros.

Um revide ocorreu de imediato e ele, que era natural do Rio de Janeiro, acabou sendo atingido. O óbito foi constatado por equipes do Corpo de Bombeiros.

Já os outros dois conseguiram escapar por uma região de mata. Unidades especializadas do GRAER, BOPE, ROTAM e CHOQUE foram acionadas, mas os traficantes não foram localizados.

Com Julio Cesar foram encontradas cinco peças de maconha, enroladas em uma blusa, além de uma balança de precisão.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade