Pintor passa mal e morre dentro de caixa d’água durante trabalho em escola

Uma das principais suspeitas é que ele tenha se sufocado com o cheiro forte no local

Augusto Araújo -
Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e Corpo de Bombeiros foram acionados para resgate de pintor que sufocou em caixa d´água em RIo Verde. (Foto: Reprodução/TV Anhanguera).

A Polícia Civil está investigando o caso do pintor que morreu dentro de uma caixa d’água em uma escola de Rio Verde, município no sudoeste goiano.

A fatalidade ocorreu neste sábado (13), quando Carlos Pereira realizava um serviço do lado de dentro do reservatório do instituto de ensino e acabou perdendo os sentidos.

O Corpo de Bombeiros apontou que o funcionário pode ter passado mal e sufocado com o cheiro forte vindo da tinta, enquanto fazia o trabalho.

Ainda de acordo com a corporação, o resgate levou mais de 40 minutos para ser realizado, devido ao forte odor que saía da caixa d’água. Foi necessário o uso de um cilindro de oxigênio para chegar ao reservatório e retirar o corpo do homem.

Carlos foi encontrado pelos bombeiros ainda com sinais de vida, mas devido à dificuldade em acessar e sair do local, o pintor já não apresentava mais pulso ao chegar do lado de fora.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi acionado e constatou que, de fato, o homem havia falecido.

A Instituição Social Obras Chico Xavier, administradora da escola, publicou uma nota lamentando a morte do pintor e que prestará todos os auxílios para a família e colaboração com as autoridades investigativas.

Leia na íntegra:

Lamentamos profundamente o falecimento do Sr. Carlos Pereira. Estamos acompanhando e prestando auxílio a família e aos amigos diante desse momento de dor e sofrimento.

Entramos em contato com a empresa contratada para executar os serviços de pintura para compreender como os fatos aconteceram e o proprietário da empresa nos explicou que o funcionário da empresa estava utilizando os equipamentos de segurança e que também estarão a disposição das autoridades para maiores esclarecimentos.

A Instituição estará a disposição das autoridades competentes para investigar toda a fatalidade e pedimos a todos ajuda com as orações para que todos os envolvidos nessa infeliz situação sejam amparados por Deus e confortados.

PublicidadePublicidade

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.