Portal 6

TJGO libera o funcionamento de academias; saiba como fica a situação em Anápolis

(Foto: Reprodução)

Locais já estavam liberados no município e Vigilância Sanitária estuda possíveis mudanças nas regras

A ação judicial de liberação do funcionamento das academias, movida pelo Sindicato dos Profissionais em Educação Física do Estado de Goiás (Sinpef) e Sindicato das Academias do Estado de Goiás (Sindac), foi liberada nesta quinta-feira (21) pelo Tribunal de Justiça do Estado de Goiás (TJGO).

De acordo com o documento, os estabelecimentos poderão voltar a funcionar seguindo várias restrições. Limitação de 30% da capacidade total e uso obrigatório de máscaras são algumas das principais.

Em Anápolis, estes locais já estavam liberados, com a devida aplicação de medidas de precaução muito semelhantes àquelas apresentadas pelos sindicatos. A maior diferença fica por conta da Matriz de Risco adotada pelo município.

Semanalmente, a situação da pandemia é analisada pela Prefeitura, a fim de determinar a gravidade da mesma (leve, moderada e crítica).

De acordo com esse sistema, enquanto a cidade mantiver o panorama de risco leve, os locais poderão continuar funcionando.

Mas como fica a situação das academias de Anápolis a partir deste novo decreto?

Em resposta ao Portal 6, a Prefeitura comunicou que a normativa atestada na cidade irá se manter até o próximo pronunciamento das autoridades locais, e que a Vigilância Sanitária pretende divulgar, até a próxima terça-feira (26), novas possíveis regras para o setor.

Quer comentar?

Comentários