PublicidadePublicidade

Criminosos que queriam explodir bomba em Anápolis são mortos pela Rotam

Trio chegou a ser levado para o HUANA, mas tiveram o óbito confirmado assim que deram entrada na unidade

Da Redação Da Redação -

Três homens ainda não identificados morreram na madrugada desta terça-feira (03), após confrontarem policiais da Rondas Ostensivas Táticas (Rotam), na BR-060, na zona rural de Abadiânia.

O caso foi registrado depois que a corporação recebeu a denúncia de que uma organização criminosa, especializada em roubos de bancos, iria praticar um assalto em uma agência de Anápolis, e que estava a caminho do município em um Chevrolet Corsa.

Durante um patrulhamento, as equipes conseguiram visualizar um veículo com as mesmas características, que empreendeu fuga assim que recebeu a ordem de parada.

Foi necessário iniciar uma perseguição e os suspeitos pararam em uma região de mata, onde desceram já atirando contra os policiais.

Para se proteger, a Rotam teve de revidar os tiros e os três acabaram alvejados. Todos ainda foram socorridos e levados ao Hospital Estadual de Urgências de Anápolis Dr. Henrique Santillo (HUANA), mas não resistiram.

No local, os policiais apreenderam uma pistola calibre 380, uma pistola calibre 40, um revólver calibre 38, uma carabina calibre 44, um veículo fruto de furto, explosivos, alavanca, balaclavas, máscaras, luvas, dois uniformes do exército e um colete balístico.

O Esquadrão de Bombas do BOPE precisou ser acionado para neutralizar e destruir o explosivo, com peso de 1.040 kg e composto por pólvora, em um local seguro.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade