Projetos em Anápolis garantem castração gratuita ou de baixo custo para cães e gatos

Medida é extremamente importante para reduzir o risco de doenças e o abandono dos animais

Lucas Tavares -
(Foto: Reprodução/ Marcos de Paula/Prefeitura do Rio)

Uma das soluções para diminuir o índice de animais abandonados nas ruas é a castração. No entanto, por várias vezes, muitos não conseguem custea-la por causa dos valores cobrados pelos procedimentos.

Felizmente, esse problema vem sendo amenizado em Anápolis por conta de iniciativas que auxiliam para que a cirurgia seja feita gratuitamente ou por valores acessíveis.

E essa medida é necessária não só para controlar a reprodução descontrolada, mas também reduzir o risco de doenças.

Um dos exemplos de iniciativas é o Castramóvel, que é atualmente uma dos serviços ofertados no projeto “Vem e Faz” da Prefeitura de Anápolis.

Ele atende de forma gratuita e preferencialmente os moradores que possuem pré-cadastro no Centro de Referência de Assistência Social (Cras) ou que são beneficiários de algum programa social.

Parte dos animais que chegam ao Castramóvel são encaminhados para o Centro de Zoonoses, que oferece o serviço de castração sem custos.

“Esse mês, no dia 13, estaremos no posto do Jardim Guanabara. Dia 20 o do Adriana Parque vai ser o ponto de apoio”, disse o Diretor de Vigilância em Saúde de Anápolis, Gúbio Dias Pereira, ao Portal 6.

Valores acessíveis

A ONG Patas Solidárias também possui um projeto que garante os preços de castração a partir de R$ 110 até R$ 300, dependendo do peso do animal.

Fora isso, somente um exame adicional é cobrado. O número de contato para os interessados é (62) 9 9351-8717.

Já a Associação Protetora e Amiga dos Animais (ASPAAN), com ajuda de parceiros, consegue os procedimentos por valores que variam de R$ 130 a R$ 300.

Os interessados devem ligar para o número (62) 9 9510-3231.

A SOS Animais, muito conhecida na cidade, também possui planos na mesma faixa. Para saber mais, basta entrar em contato pelo telefone (62) 9 9510-3231.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade