PublicidadePublicidade

“Temos medo de receber a notícia de que ele morreu”, diz esposa de Lázaro Barbosa

Jovem, que é 13 anos mais nova que o serial killer, conta ainda que a família dela está recebendo ameaças

Da Redação Da Redação -
Lázaro Barbosa é procurado pelas forças de segurança de Goiás e Distrito Federal. (Foto: Divulgação)

Com apenas 19 anos, a esposa de Lázaro Barbosa concedeu uma entrevista ao Correio Braziliense nesta quarta (16) para falar sobre a vida com o marido. Ela não quis ter a identidade revelada.

Segundo a moça, os dois vivem juntos há quatro anos e têm um filha de 02 anos. Ela também alega estar perplexa com todos os crimes cometidos nos últimos dias e teme receber notícias sobre o caso.

“Temos medo de receber a notícia de que ele morreu. A bebê quase todos os dias chama por ele. Isso me corta tanto. Ela é muito apegada. É a vida dele. Está todo mundo arrasado”, sustenta.

PublicidadePublicidade

A esposa contou ter conhecido Lázaro por meio de uma tia dele e que está decepcionada porque homem já teria tentado largar a vida criminosa. Ele também tem outro filho, de 04 anos, de um relacionamento anterior.

“Se a gente tivesse a oportunidade de ir com a polícia para o meio do mato, para convencê-lo a se entregar. A gente não sabe o que aconteceu na mente e no coração dele. A ficha não caiu”, afirmou.

Por causa de toda a situação envolvendo o serial killer, a jovem disse estar em estado de choque e preocupada, porque toda a família dela passou a receber ameaças. A expectativa é que ele se entregue.

Rituais Satânicos

Antes de finalizar a entrevista, a esposa de Lázaro também declarou que ele não é envolvido com rituais satânicos. A família é que estaria sendo alvo de “fakes news e preconceito”.

“Não acredito em nenhum ritual. Ele tinha uma fé em Deus muito grande, foi até pregador da palavra no presídio. Eu só vou acreditar que ele se envolveu mesmo nisso quando ele for pego e falar”, disse.

*Com informações do Correio Braziliense

O que já se sabe sobre o serial killer Lázaro Barbosa

PublicidadePublicidade

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade